A família da faxineira Ana Carolina Barros Vasconcelos, de 25 anos, que morreu em um acidente em trânsito, na última sexta-feira (1°), em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, iniciou uma campanha entre amigos para arrecadar dinheiro para ajudar no sustento dos dois filhos. Ana deixou uma filha com 3 semanas de vida e um maior com 6 anos.

A família está em campanha para receber alimento, leite, fralda, roupa e dinheiro para o sustento das duas crianças.

A prima Bárbara Cristina Costa Passos é uma das que está a frente da campanha de arrecadação. “No momento, a bebê precisa de leite em pó especial para a primeira fase da vida, fraldas e roupinhas”, disse.

Bárbara destaca que a família sempre viu Ana Carolina como uma boa mãe “Ela trabalhava muito para sustentar os dois filhos dela, foi uma mulher muito sofrida, fazia faxina para sustentar as crianças. Já foi vítima de violência doméstica, foi uma tristeza o que aconteceu com ela”, contou.

Atualmente, a recém-nascida está com a família materna e o garoto de 6 anos está com o pai.

O acidente

Ana Carolina Barros Vasconcelos, de 25 anos morreu atropelada em Várzea Grande, na noite da última sexta-feira. O motorista do carro, estava bêbado e não teve o nome divulgado.

De acordo com a Polícia Militar, um homem embriagado atropelou a moça. O homem não possuí carteira de habilitação e fugiu do local após o acidente, mas acabou colidindo com um poste e sendo detido por populares.

O crime foi registrado por volta das 21h20, no Bairro Parque Sabiá. A jovem morreu no local.

Segundo o boletim de ocorrência, o condutor havia pegado o veículo sem autorização do proprietário, que estava em um bar.