Mato Grosso registrou aumento de cerca de 30% no registro de novos casos de covid-19 nas duas últimas semanas de maio, conforme boletins epidemiológicos da Secretaria Estadual de Saúde (SES). Além disso, nos dois últimos dias foram registradas 5 mortes. Associada a essa crescente, a baixa cobertura vacinal contra a doença fez com que o governo estadual e alguns órgãos públicos emitissem recomendação do retorno do uso de máscaras em ambientes fechados, como nas escolas, já que apenas 16% do público infantil chegou a completar o esquema vacinal. Tribunal de Contas do Estado e Ministério Público de Contas também reforçaram em portaria, publicada nesta quinta-feira (2), a adoção das medidas de biossegurança contra o coronavírus.  

Após um ano e 4 meses do início da vacinação contra covid-19 de crianças de 5 a 11 anos no Estado, procura pela imunização ainda é considerada extremamente baixa. Dados oficiais da SES confirmam que 64% das crianças aptas a serem vacinadas não tomaram nenhuma dose e 36% só a primeira. O público adolescente também está com o índice de vacinação baixo, já que sua cobertura vacinal é de pouco mais da metade (55%).  

O número de casos e da média móvel da covid19 também são fatores dealerta para a importância das medidas de biossegurança para o público infantojuvenil. “Quase metade dos adolescentes está com esquema vacinal incompleto. Precisamos reverter esse quadro”, aponta o secretário-adjunto de Vigilância em Saúde, Juliano Melo.  

Diante deste cenário, o Centro de Operações em Emergência em Saúde Pública (COE) recomendou a utilização de máscaras nas escolas de Mato Grosso.  

Capital

A gestão municipal também está alerta às estatísticas envolvendo a covid-19. Nesta quinta-feira (2), o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, informou que juntamente com a secretária municipal de Saúde, Suellen Alliend, analisa os dados referentes à doença e destaca que, mediante a evolução de casos, irá acionar o Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19 para adoção de medidas de controle e prevenção.

O Saiba Tudo Mato Grosso (MT) é um site sem vínculos partidários, sem preconceitos ideológicos e não está a serviço de grupos econômicos. O nosso valor é a qualidade da informação.