O Governo de Mato Grosso irá destinar R$ 2,6 milhões para 37 municípios, contemplando todas as regiões turísticas do Estado, por meio de recursos do Fundo Estadual de Desenvolvimento do Turismo (Funtur), gerido pelo Conselho Estadual de Desenvolvimento do Turismo (Cedtur). O aporte financeiro será investido em ações de infraestrutura, qualificação profissional, promoção, divulgação e realização de eventos geradores de fluxo turístico, entre outras ações.

A definição dos recursos foi feita após estudo apresentado ao Conselho do Turismo e aprovado em reunião, o que permitiu o repasse para aplicação nos municípios turísticos.

“A iniciativa surgiu por determinação do governador Mauro Mendes, para dar apoio aos municípios para retomarem as atividades o mais rápido possível, resultando na geração de emprego e renda para o setor, que foi tão prejudicado pela pandemia de covid-19”, esclarece o secretário Adjunto de Turismo, Jefferson Moreno.

Os valores para realização de projetos vão ser disponibilizados conforme a categoria ocupada pelo município junto ao Ministério do Turismo. Na categoria A, o valor máximo é de R$ 100 mil e para as categorias B,C,D e E, o máximo é de R$ 60 mil. Esse montante também será utilizado na produção de feiras gastronômicas voltadas ao turismo, festivais de pesca, coleta de dados e sinalização turística.

Ao todo poderão ser atendidos até 37 municípios, em 11 áreas e 16 objetos de apoio.

“Essa é uma grande iniciativa do Governo do Estado, a criação de um fundo de recursos do trade para fomentar o turismo regional, ampliar o ambiente de negócios e incentivar a geração de empregos nos municípios”, ressalta o secretário de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso, César Miranda.

Os municípios listados com interesse em requerer o aporte terão até o dia 15 de maio para inserir os dados nas plataformas Sigcon e Sigadoc. Após esse prazo, a Seadtur fará o levantamento de quantos municípios conseguiram se beneficiar do recurso, e qual o saldo remanescente para abrir para mais municípios.