A Escola de Desenvolvimento Integral de Educação Básica (Edieb) Professor Antônio Cesário de Figueiredo Neto, no centro de Cuiabá, é exemplo de que o uso do material Estruturado de Ensino, entregue este ano pelo Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT), apresentou resultados para a otimização da aprendizagem.

Por conta disso, alunos, professores e equipe técnica, nesta quarta-feira (25.05), a partir das 18h30, irão promover uma série de atividades para mostrar à comunidade escolar os resultados da aprendizagem, por meio desse material específico e estruturado, que foi entregue para os alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Segundo a diretora pedagógica, Fabia Melo, além de ser um parâmetro para aprimorar os conhecimentos, o material vem ajudando nas intervenções pedagógicas. Para ela, foi um ganho para a educação pública de Mato Grosso, destacando que o evento será a prova material desse sucesso.

A celebração contará com apresentação de músicas, peça de teatro e dança, com foco nos resultados da aprendizagem. Além dos parâmetros obtidos pelo Sistema Estruturado, a escola vai apresentar os números referentes ao Programa MT Muxirum.

“É um material de muita valia para nós. Ele tem uma linguagem própria para aprendizagem e oferece conhecimento específico e objetivo, o que facilita o entendimento de jovens e adultos, que ficaram por algum período fora da sala de aula”, completou Fabia Melo.

O conteúdo programático é regionalizado, seguindo os padrões da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e o Documento de Referência Curricular de Mato Grosso (DRC-MT). Os programas contemplam as mais diversas áreas do conhecimento e estão organizados de acordo com as necessidades de cada ano, considerando a progressão da aprendizagem.

Além das apostilas, alunos e professores também contam com plataforma digital, banco de perguntas, aplicativo, avaliações e exercícios complementares, formação continuada dos professores, com duração de 120 horas por ano.