Um jovem de 24 anos morreu durante o final de semana, em Várzea Grande, após comer um bombom. A família da vítima disse que ele chegou em casa passando mal e contou que havia comido um bombom envenenado.

O fato esta sendo investigado. Segundo a esposa, a vítima começou a passar mal logo após chegar em casa. Segundo depoimento da mulher da vítima, o marido comeu um bombom, que estaria supostamente envenenado. Ela, contudo, não sabe quem teria dado o doce ao homem. 

A mãe do rapaz acredita que ele teria recebido o doce de alguém conhecido. “Porque ele falou com muita certeza, que havia sido envenenado, mas morreu antes de dizer por quem”, relatou a genitora. 

A vítima chegou a ser encaminhada ao pronto-socorro de Várzea Grande, mas não resistiu e foi a óbito. Segundo a unidade de saúde, os indícios apontam para um envenenamento, mas somente os exames periciais poderão confirmar. 

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) encaminhou o corpo do rapaz ara o Instituto Médico Legal (IML) para exames de necropsia que apontará as verdadeiras causa da morte. A Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) está acompanhado o caso.  

O Saiba Tudo Mato Grosso (MT) é um site sem vínculos partidários, sem preconceitos ideológicos e não está a serviço de grupos econômicos. O nosso valor é a qualidade da informação.