Dois foragidos da Justiça tiveram mandados de prisão cumpridos pela Polícia Civil de Mato Grosso, em ações desencadeadas pelos policiais da Delegacia de Vila Rica (1.259 km a nordeste de Cuiabá).

O primeiro suspeito estava com a ordem de prisão decretada pela Justiça por envolvimento em um crime bárbaro ocorrido há dois anos, em Vila Rica. O fato ocorreu no dia 27 de abril de 2020, quando o maníaco invadiu a residência de um casal de idosos, rendendo as vítimas que foram ameaçadas com uma arma de fogo.

Na ocasião, o suspeito também passou horas abusando sexualmente da neta do casal, que morava com os avós. Após os fatos, ele fugiu em uma motocicleta. O suspeito também praticou diversos crimes contra a dignidade sexual na cidade Castanhal, no estado do Pará, e no Distrito Federal. Na época, ele foi indiciado pelos crimes de invasão de domicílio, cárcere privado, e estupro.

Com base nas investigações da Delegacia de Vila Rica, foi representada pela prisão preventiva do suspeito, que foi deferida pela Justiça, porém, desde então, o suspeito era considerado foragido. Em uma ação conjunta dos policiais civis de Vila Rica e da Polícia do Distrito Federal, o suspeito foi localizado na cidade de Brasília, onde teve o mandado de prisão cumprido, após dois anos foragido.

Foragido de Goiás

Em outra ação da Delegacia de Vila Rica, os policiais deram cumprimento ao mandado de prisão contra um foragido do estado de Goiás. O suspeito estava com o mandado de prisão em aberto pelos crimes de roubo, latrocínio e associação criminosa.

Após trocas de informações com a Polícia de Goiás, os policiais de Vila Rica conseguiram localizar o suspeito no município, onde foi dado cumprimento ao mandado de prisão.

Os cumprimentos dos mandados de prisão ocorreram na terça-feira (12.04).