Shirlene Hernandez, de 72 anos, parou em um posto de gasolina em San Antonio, no estado do Texas, nos EUA, na última terça-feira (19), para comprar um refrigerante, algo que costuma fazer todos os dias. Quando ela caminhava em direção à conveniência, foi abordada por um homem que a segurou e bateu várias vezes em seu rosto até conseguir pegar a chave do carro. As informações foram publicadas pelo site WBRC.

Outras três pessoas que estavam no local perceberam o que estava acontecendo e tentaram ajudar a idosa e impedir o roubo, mas o ladrão conseguiu sair dirigindo.

A polícia foi acionada e começou a busca pelo veículo. Não muito longe do local do crime, em uma rodovia interestadual, o carro de Shirlene foi localizado com a parte da frente destruída, provavelmente por uma forte batida, e com o bandido morto na direção. 

A americana ficou com grandes hematomas no rosto, principalmente em volta do olho, e ainda ficou sem o meio de transporte que usava para ir trabalhar.

A história ganhou grande repercussão e uma vaquinha on-line foi organizada para ajudar na compra um novo modelo e repor o prejuízo. A meta era de US$ 5 mil, cerca de R$ 23 mil, mas já foi arrecadado US$ 29 mil, o equivalente a R$ 134 mil, em apenas quatro dias.