Estão abertas as inscrições para a edição de 2022 do TETRIX, maior concurso de estudos de negócios, segundo o Guinness World Records (GWR). Podem participar universitários ou recém-formados em cursos de graduação nos últimos cinco anos (entre 2017 e 2021) em qualquer curso. As inscrições são gratuitas e ficam abertas até 14 de agosto, no site.

A competição tem como objetivo inspirar e incentivar os participantes a seguirem uma carreira digital e melhorarem seus conhecimentos sobre negócios. Totalmente gratuito, a competição premia a pessoa vencedora com uma viagem pelos cinco continentes, durante a qual será apresentada ao que há de mais avançado em transformação digital, a partir de visitas às big techs e da participação em eventos e seminários sobre tecnologia. 

O desafio é composto por 60 questões, divididas em quatro etapas, sendo as duas primeiras on-line. Nesta edição, pela primeira vez, os candidatos poderão escolher uma “trilha de carreira” ao longo da segunda fase, na qual será possível focar em temas com os quais tenham maior afinidade. As etapas semifinal e final, em que a avaliação dos participantes é feita por personalidades da indústria (chamados de Senseis), serão presenciais na cidade do Rio de Janeiro, entre os dias 5 e 6 de novembro. 

Esta é a quarta edição do TETRIX, que em 2021 contou com mais de 154 mil participantes de 84 países – um recorde de inscrições, que garantiu o reconhecimento pelo Guinness World Records. No ano passado, as mulheres representaram mais de 64% do total de inscritos.

Promovido pela VTEX, plataforma de comércio digital para grandes empresas e varejistas, e com o patrocínio da Casa & Vídeo, o desafio fomenta o ecossistema digital construindo uma valiosa rede de talentos preparados para o futuro. Essas companhias também têm acesso aos participantes que mais se destacaram, visando futuras contratações.

“O intercâmbio de culturas, etnias e ideias proporcionado pelo TETRIX tem feito o desafio ganhar cada vez mais relevância para o mercado digital. Inspirar, estimular e desenvolver jovens talentosos é fundamental para acelerar o passo da transformação digital nas empresas, mas também para construirmos um mundo em que as oportunidades de desenvolvimento sejam mais igualitárias entre as diversas comunidades que compõem nosso ecossistema”, explica Mariano Gomide de Faria, fundador e co-CEO da VTEX.