Uma comitiva da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso conheceu a sede do Instituto Nacional de Tecnologia Industrial (INTI) em Buenos Aires, nesta segunda-feira (28.03). O órgão argentino é vinculado ao Ministério de Desenvolvimento Produtivo. A visita técnica tem como intuito fortalecer a agroindústria do Estado, por meio do intercâmbio de informações voltados ao setor.

O Instituto promove pesquisas e fornece tecnologia direcionadas à evolução do agronegócio, indústria, automação, biotecnologia, energia renovável, eletrônica, madeira, construção e infraestrutura, mecânica e logística, certificação de produtos, processos e pessoas. Bem como, metrologia e qualidade.

De acordo com o secretário Adjunto de Investimentos, Inovação e Sustentabilidade da Sedec, Anderson Lombardi, o objetivo é estimular a produção industrial mato-grossense trazendo as experiências positivas argentinas para o Estado.

“Mato Grosso já tem expertise de produção agrícola, agora queremos ampliar nossa agroindústria por meio dos cases de sucesso que serão customizados a nossa realidade. E o Instituto é uma referência de acompanhamento da produção nacional, de inovação e desenvolvimento para exportação, em soluções tecnológicas e em competitividade industrial”, ressalta Lombardi.

O secretário relata ainda que as iniciativas servirão de parâmetro para a criação de novas políticas estaduais que vão favorecer as cadeias produtivas ligadas ao setor.

Nos próximos dias, a equipe da Sedec também fará o Circuito de Maní (Amendoim) em Río Cuarto, onde será acompanhado o plantio e colheita da oleoginosa e em seguida serão feitas visitas às indústrias beneficiadoras na província de Córdoba.