O governador Mauro Mendes anunciou uma parceria para a construção de um Centro de Prevenção e de Tratamento de Câncer em Mato Grosso, que será instalado em Rondonópolis.

A unidade hospitalar seguirá o modelo do Hospital de Câncer de Barretos, que foi visitado pelo governador na tarde desta quarta-feira (30.03), e é considerado referência nacional e internacional na oncologia.

“Saí verdadeiramente impressionado com o trabalho que o Hospital de Câncer de Barretos faz e que trata milhares de pessoas em todo o Brasil”, afirmou o governador, acompanhado do deputado Nininho e de outros representantes da região Sul de Mato Grosso.

Além da unidade que será construída em Rondonópolis, o Governo do Estado também vai colaborar com a unidade já em andamento no município de Sinop. 

“Já está provado que a prevenção salva vidas e pode curar e é isso que nós vamos fazer lá em Sinop, que já iniciou, e agora em Rondonópolis. Vamos investir pesadamente na prevenção e no tratamento inicial”, declarou.

Durante a visita, o governador conheceu várias unidades do complexo hospitalar. 

O local é uma espécie de “condomínio da Saúde”, com centros de prevenção, diagnóstico e tratamento, e conta com mais de 4,5 mil funcionários que são constantemente qualificados dentro de uma estrutura de ponta, com equipamentos modernos que usam até mesmo a robótica como aliada no tratamento da oncologia.

“Eu estava muito ansioso por ampliar essa parceria com o Estado de Mato Grosso. Juntos vamos poder fazer muito pela prevenção e combate ao câncer”, disse o presidente do Hospital do Amor, Henrique Prata.

Para o deputado estadual Nininho, a construção de uma unidade em Rondonópolis, nesse padrão, será importante para que mais vidas sejam salvas, tendo em vista o aumento global da incidência de câncer e a cura acima da média registrada pelo Hospital do Amor em comparação com outros hospitais.

“Quero agradecer ao governador que prontamente atendeu ao nosso pedido e veio conhecer essa bela estrutura. Com certeza em breve vamos ter um centro de tratamento e de diagnóstico de oncologia no estado”, completou.

Também acompanharam a visita: a reitora da Universidade Federal de Rondonópolis, Analy Souza; o prefeito de Poxoréu, Nelson Paim; a empresária Marchiane Fritzen; e outras lideranças locais.