O Governo de Mato Grosso expressa profundo pesar pela morte de Ermínio Celso Duca, o Padre Celso, que atuava na Paróquia Nossa Senhora do Rosário de Fátima, em Araputanga.

Padre Celso morreu aos 93 anos, de causas naturais. Veio a Mato Grosso em 1975 e foi um dos grandes fomentadores do desenvolvimento da região oeste do estado, tendo dirigido uma emissora de rádio, presidido cooperativa e também atuado no campo social.

“O Padre Celso foi um pioneiro no cooperatismo da região oeste e também ajudou a fundar escolas, comércios e empresas. Foi um entusiasta do trabalho social, dedicando sua vida a ajudar o próximo e a espalhar a palavra de Deus. É uma grande perda para toda a comunidade, mas temos certeza que será acolhido pelos braços do Senhor”, afirmaram o governador Mauro Mendes e a primeira-dama Virginia Mendes.