O Grupo Especial de Segurança de Fronteira (Gefron) apreendeu cerca de 105 quilos de entorpecente em menos de 24 horas no município de Cáceres (390 km de Cuiabá). Na última ocorrência, duas pessoas foram presas fazendo o transporte de 38 quilos de cocaína neste domingo (16.01). No dia anterior, foram aprendidos mais de 67 quilos do mesmo entorpecente e uma pessoa foi presa.

A última apreensão ocorreu após abordagem a um veículo GM Celta, que seguia no sentido Bolívia/Brasil. Após receber informações de que o veículo estaria transportando entorpecente, os operadores de fronteira abordaram o veículo no Posto do Limão, em Cáceres, com duas pessoas. Na vistoria do automóvel, eles encontraram 36 pacotes da droga escondidos em um compartimento secreto do veículo.

Ao todo foram apreendidos, 32 quilos de pasta base de cocaína e outros seis de cloridrato de cocaína, ambos avaliadas em mais de R$ 728 mil. Os dois homens que estavam no veículo, receberam voz de prisão e podem responder por tráfico internacional de drogas.

No dia anterior, sábado (15.01), a Força Tática da Polícia Militar identificou um veículo Kia Sorento trafegando em alta velocidade pelo perímetro urbano de Cáceres.  Após tentativa de fuga, os militares acompanharam o suspeito e conseguiram fazer a abordagem do condutor do veículo. Em revista pessoal, os policiais encontraram a quantia superior a R$ 2,6 mil em dinheiro.

Durante checagem do suspeito no Centro de Operações do Gefron os operadores de fronteira identificaram que o condutor já possuía passagem criminal. Após vistoria no veículo, a princípio, os policiais não encontraram nada de suspeito, então, foram orientados e levar o veículo até o Canil do Gefron para realização de buscas com cães farejadores.

No canil, três cães apontaram a presença de entorpecente em um compartimento secreto do veículo. Após remoção, os operadores de fronteira encontraram 65 tabletes aparentemente de pasta base de cocaína.  As embalagens totalizaram 67 quilos de entorpecente avaliado em R$ 1,2 milhão.

Os três suspeitos envolvidos nas duas ocorrências, as drogas e os veículos, utilizados para o transporte dos entorpecentes, foram encaminhados à Delegacia de Fronteira (Defron), em Cáceres.