Uma bebê de quatro meses foi encontrada morta no bairro Parque Novo Ceasa, em Esmeraldas, na região metropolitana de Belo Horizonte, nesse domingo (5). A mãe da bebê, de 35, dormia com dois filhos quando tudo aconteceu. O caso é investigado pela Polícia Civil.

De acordo com a Polícia Militar, a mãe alegou que dormia na mesma cama com a bebê e um outro filho, de 4 anos. Após acordar, a mulher viu que a menina não apresentava sinais vitais, além de ter escorrimento de sangue pelo nariz. Uma mancha roxa, na região da barriga, também foi visualizada.

A mãe, conforme registrado na ocorrência, pediu ajuda do filho mais velho, de 10, para que ele chamasse a vizinhança. Assim que os militares chegaram a morte da bebê foi constatada.

A perícia da Polícia Civil não encontrou marcas de violência na vítima. O hematoma roxo teria sido provocado pelo acúmulo de sangue devido à posição na qual a bebê estava.

Investigação

A morte é investigada pela Polícia Civil. Em nota enviada ao BHAZ, a instituição informou que a mãe foi conduzida até a Delegacia de Plantão de Ribeirão das Neves onde foi ouvida e liberada.

“A PCMG aguarda a conclusão dos exames para concluir a causa e as circunstâncias da morte da criança”, afirmou em um dos trechos. O corpo da bebê foi levado para o IML (Instituto Médico Legal) André Roquette para exames.

O caso é investigado pela Delegacia de Polícia Civil em Esmeraldas.

Nota da Polícia Civil

“Sobre o encontro de cadáver, registrado nesta manhã (5), em Esmeraldas. a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) informa que a perícia compareceu ao local para realizar os primeiros levantamentos. O corpo da criança foi removido ao Instituto Médico-Legal André Roquette para exames. A mãe foi conduzida para a Delegacia de Plantão, em Ribeirão das Neves, onde foi ouvida e liberada. A PCMG aguarda a conclusão dos exames para concluir a causa e as circunstâncias da morte da criança. A investigação tramita na Delegacia de Polícia Civil em Esmeraldas”.