Claudinei Antônio Tavares, 57 anos, morreu na última quinta-feira (18), em um grave acidente envolvendo uma ambulância de UTI Móvel, da Secretaria Municipal de Saúde Cáceres, enquanto voltava de Cuiabá. O veículo teria aquaplanado, na BR-070, próximo ao Posto Cinquentinha, por conta de uma forte chuva e capotado logo em seguida.

Claudinei era paciente do Sistema Único de Saúde (SUS) e tinha se deslocado até a capital do estado para realizar um procedimento de cateterismo cardíaco.

O acidente, ocorrido no retorno da viagem, próximo ao Posto Cinquentinha, com o capotamento do veículo, após aquaplanar. Chovia bastante no local, o que pode ter contribuído para a tragédia.

Também estavam na ambulância dois servidores da saúde municipal, sendo a auxiliar de enfermagem, Gilza Ferreira Gomes e o motorista da ambulância Francinei do Espírito Santo Soares.

Os dois foram socorridos com vida e  internados em Cuiabá. Porém, receberam alta ainda na noite de quinta-feira.

A prefeita Eliene Liberato Dias, ao manifestar suas condolências, disse que o município irá promover todas as medidas necessárias no suporte aos familiares, Inclusive acionando profissionais de saúde, psicólogos,  para prestar apoio psicológico à família. 

“Neste momento de dor e pesar,  venho me solidarizar com os familiares do Senhor Claudinei Antônio Tavares e prestar minhas condolências pela perda irreparável. E, em nome  da população cacerense, fraternalmente pedir a Deus que seja força e consolo a todos” lamentou Eliene. 

A gestora também manifestou sua solidariedade aos servidores públicos envolvidos no acidente, desejando breve recuperação.