Morto em decorrência de um acidente de trânsito na tarde desta quinta-feira (14), na BR-163, o vereador Romeo Belém (DEM) foi apontado como suspeito de estuprar a própria filha, de 10 anos. O caso teria sido registrado na delegacia de Nova Mutum, em 18 de setembro.

No boletim de ocorrência consta que a mãe compareceu na delegacia juntamente com o Conselho Tutelar para comunicar a ocorrência de suposto estupro de vulnerável. Conforme a mãe, a filha teria dito, após uma discussão, que estaria sendo abusada pelo pai. Segundo ela, o vereador teria costume de se trancar no quarto com a filha, onde passaria as mãos nas partes íntimas dela.

A mulher afirmou também que não chegou a namorar com Romeo, apenas teve um ‘caso’. No entanto, o vereador sempre teve acesso à filha. Mas há cerca de um ano, a menina não estaria demonstrando mais interesse de ver o pai.

Em uma carta atribuída a Romeo, consta que ele era inocente da denúncia. “Estou passando por uma situação que jamais imaginaria. Minha filha, induzida pela mãe, acredito eu, fez uma denúncia contra minha pessoa dizendo que eu estava passando a mão nela, quando ela raramente vinha na caminha casa”, diz trecho.

“Quero que todos saibam que jamais fiz isso com minha filha, mas não estou aguentando tamanha raiva em meu coração, a vontade de voltar ao velho Romeo é imensa, de tirar a vida da mãe da minha filha é enorme, mas não quero fazer isso, prefiro partir dessa vida”, acrescenta.

Nas redes sociais, amigos e familiares lamentaram a morte do vereador. Uma mulher que teria trabalhado com o parlamentar comentou no Facebook que: “A mentira e falso testemunho acabaram com a vida de um homem honesto”.

O ACIDENTE

O vereador Romeo morreu ao colidir com o carro em uma carreta, na tarde desta quinta-feira (14), no km 592 da BR-163, em Nova Mutum. O parlamentar estava sozinho em um Kia Sportage, de cor prata, quando colidiucom uma carreta Scania R540, de cor branca, placa de Sorriso.

A Concessionária Rota do Oeste e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) foram acionadas às 12h44 para o atendimento da ocorrência, onde constataram a morte do vereador.

Já o motorista da carreta foi levado para o Hospital de Nova Mutum.