Anúncios

O Ministério Público do Trabalho (MPT) em Mato Grosso prorrogou, até as 22h (horário de Mato Grosso) do dia 12 de setembro, as inscrições para o processo seletivo de 2021. Para participar, basta acessar a Página do Candidato, preencher a ficha de inscrição e anexar todos os documentos solicitados no Edital. As inscrições são gratuitas.

Confira o Edital na íntegra aqui.

A confirmação da inscrição só acontece após o estudante anexar os seguintes documentos digitalizados: documento de identidade com foto, declaração de escolaridade, foto atual e outros documentos específicos, no caso de candidatos que irão pleitear vagas reservadas.

Podem se inscrever estudantes dos cursos de Direito, Jornalismo, Administração e da Informação (TI). O concurso visa preencher 17 vagas e formar cadastro de reserva (CR) de estagiários para a Sede, em Cuiabá, e Procuradorias do Trabalho nos Municípios (PTMs) de Rondonópolis, Sinop e Alta Floresta.

O MPT destina o percentual de 10% das vagas que surgirem durante a validade do processo seletivo a pessoas com deficiência e 10% às que se declararem participantes do Sistema de Cotas para Minorias Étnico-Raciais. Também são reservados 30% das vagas de para candidatos(as) que se autodeclararem pretos(as) ou pardos(as).

Somente estudantes de universidades ou faculdades conveniadas com o MPT poderão participar do processo seletivo. A data prevista para a aplicação das provas é 30 de setembro. Devido à pandemia provocada pelo novo coronavírus, todo o processo será realizado virtualmente. O link de acesso à sala virtual será encaminhado oportunamente por correio eletrônico com a especificação da data e horário.

O estudante cumprirá jornada de 20 horas semanais e fará jus à bolsa mensal de no valor de R$ 850, além de auxílio-transporte de 7 reais por dia estagiado no local de trabalho, seguro contra acidentes pessoais e recesso remunerado de 30 dias anuais.

Distribuição das vagas

Sede/Cuiabá: para acadêmicos do curso de Administração (1 vaga + CR), Comunicação Social/Jornalismo (1 vaga + CR), da Informação (2 vagas + CR) e Direito (8 vagas + CR).

PTM de Rondonópolis: somente para acadêmicos do curso de Direito (2 vagas + CR).

PTM de Sinop: somente para acadêmicos do curso de Direito (1 vaga + CR).

PTM de Alta Floresta: somente para acadêmicos do curso de Direito (2 vagas + CR).

Requisitos

Apenas poderão concorrer no processo seletivo os estudantes regularmente matriculados em instituições públicas ou privadas de ensino. Os alunos deverão ter concluído pelo menos o 2º ano ou 4º semestre do curso superior, quando este tiver 10 ou mais semestres de duração, ou o 3º semestre do curso superior, quando este durar menos de 10 semestres. A comprovação desse requisito ocorrerá somente no ato da contratação.

As instituições deverão ter sede no município onde a vaga é ofertada, credenciamento junto ao Ministério da Educação (MEC) e convênio com a Procuradoria Regional do Trabalho da 23ª Região.

Confira as instituições conveniadas:

•FASIP – Faculdade de Rondonópolis;

•FAIR – UNIASSELVI Rondonópolis;

•UNEMAT – Universidade do Estado de Mato Grosso – Rondonópolis/MT;

CUIABÁ – Universidade de Cuiabá;

•UNIVAG – Centro Universitário de Várzea Grande;

•UFMT – Universidade Federal de Mato Grosso (Cuiabá);

•FADAF – Faculdade de Direito de Alta Floresta;

•FASIP – Faculdade de Sinop.

O Saiba Tudo Mato Grosso (MT) é um site sem vínculos partidários, sem preconceitos ideológicos e não está a serviço de grupos econômicos. O nosso valor é a qualidade da informação.