Anúncios

O homem de 33 anos, investigado por armazenar vídeos de pornografia infantil, foi preso suspeito de estuprar o próprio irmão, um menino de 12 anos, em Goiânia (GO). Conforme a Polícia Civil, vídeos do crime foram encontrados no dele junto a outras 5 mil gravações envolvendo nuas.

O nome do investigado não foi divulgado pela corporação. Portanto, o G1 não conseguiu localizar a defesa dele para que pudesse se posicionar sobre as acusações. Até a manhã desta segunda-feira (7), o suspeito ainda não havia sido interrogado sobre os fatos.

Logo após ser preso, o homem foi encaminhado ao Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia. De acordo com a delegada, ele deve responder pelos crimes de estupro de vulnerável e por compartilhar e armazenar imagens pornográficas infantis.