Anúncios

Os corpos do casal Valdir Hennig, de 45 anos, e Tatiana Medeiros Hennig, de 46 anos, foram encontrados nesta segunda-feira (3) carbonizados, dentro de uma caminhonete, a cerca de 30 km das margens da .

Equipes da Polícia Civil e do Corpo de Bombeiros estão no local para dar andamento à ocorrência.

A polícia acredita que o casal sofreu uma emboscada a cerca de 80 km de , onde tinha uma propriedade rural.

Eles estavam desaparecidos desde a última quinta-feira (29), quando o irmão de Valdir procurou a polícia e registrou o desaparecimento do casal.

Antes de procurar a polícia, o irmão do empresário se comunicou com parentes que moram em Itanhangá e foi informado que o casal já tinha retornado para Porto dos Gaúchos, na data prevista. Ele tentou ligar para eles, mas não atenderam. Então, ele procurou a Polícia Militar.

Eles teriam saído com destino a Itanhangá e não retornaram a Porto dos Gaúchos.

Na estrada de acesso à propriedade do casal foi encontrada uma árvore tombada para dificultar a passagem de veículos.

Na sexta-feira, os policiais foram até a fazenda e encontraram munições e cápsulas, um pedaço de um relógio, uma máscara de tecido e vestígios de sangue.

A Polícia Civil solicitou apoio do Corpo de Bombeiros de para ajudar nas buscas, pois a região é de mata densa e bastante extensa.

Valdir e Tatiana eram empresários do ramo madeireiro em Porto dos Gaúchos e tinham uma fazenda na região.

Uma equipe da Perícia Oficial e Identificação Técnica () segue para o local para encaminhar os corpos ao Instituto Legal (IML), para realização de exame de necropsia.