Anúncios

Um homem foi preso nesta quarta-feira (26) suspeito de ser o assaltante que arrastou uma mulher pelo asfalto por aproximadamente 20 metros após o relógio dela ficar preso à que ele pegou, em Rio Verde, no sudoeste de Goiás. Um vídeo de câmera de registrou o crime.

O nome do suspeito não foi divulgado. Por isso, o G1 não localizou a defesa dele para se manifestar sobre a prisão.

O delegado Danilo Fabiano, que investiga o caso, diz que o suspeito cometeu dois crimes seguidos no último dia 9 contra duas mulheres. Primeiro, ele roubou uma moto e, depois, a da pedestre que foi arrastada pela Avenida Presidente Vargas.

Os crimes aconteceram em Rio Verde, mas ele foi preso em Itumbiara, em uma clínica de tratamento para dependentes químicos.

“Ele será interrogado para apresentar sua versão dos fatos. A mulher que foi arrastada teve vários ferimentos pelo corpo e ficou abalada. Ele roubou a dela e o relógio ficou preso. Mesmo ele percebendo, ela acabou sendo arrastada”, explicou o delegado.