Anúncios

fecha mais um mês como o segundo município de que mais gerou . Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Governo Federal referentes à geração de empregos formais em março aponta que Rondonópolis manteve saldo positivo, assim como registrado em janeiro e fevereiro. Em março, a cidade abriu 571 novas vagas de trabalho formal.

No último mês, Rondonópolis teve 2.803 desligamentos e 3.374 admissões, o que gerou um saldo positivo de 571 postos de trabalho abertos. Em Mato Grosso, o resultado da cidade somente fica atrás de , que abriu em março 1.693 novas formal.

O destaque em geração de emprego neste último mês foi o setor do comércio, com que teve saldo positivo de 280 novos postos de trabalho, com crescimento de 1,49%. Na sequencia vem o setor de serviços, que possibilitou a abertura de 229 novas vagas de trabalho com carteira assinada, apresentando crescimento de 0,89% na geração de empregos.

Em terceiro, ficou o setor industrial, que em março abriu 95 novos empregos formais, com expansão de 1,06%. Depois vem a construção civil, que abriu duas novas vagas de trabalho e cresceu 0,03%. Apenas o setor agropecuário não apresentou saldo positivo na geração de empregos em março, com o fechamento de 35 postos de trabalho formal, e redução de 1,21%.

Conforme os dados do Caged, Rondonópolis fecha o terceiro mês do ano com saldo positivo na abertura de novas vagas de trabalho com carteira assinada. No acumulado do ano, meses de janeiro, fevereiro e março, a cidade abriu 2.542 novos empregos formais e apresenta crescimento de 4,19% na geração de emprego em 2021.

O Saiba Tudo Mato Grosso (MT) é um site sem vínculos partidários, sem preconceitos ideológicos e não está a serviço de grupos econômicos. O nosso valor é a qualidade da informação.