Anúncios

O homem suspeito de matar a companheira a facadas em Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá) foi preso pela Polícia Civil, na terça-feira (13.04), em ação da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) com apoio dos policiais Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) do município.

O suspeito de 49 anos convivia com a vítima há aproximadamente seis meses e tentava uma reconciliação no momento em que cometeu o crime. Ele no do Sul.

O crime que vitimou Divina Pereira da Silva, de 47 anos, ocorreu na noite de sexta-feira (09), no bairro Dom Oscar Romero, quando o suspeito foi até a residência da ex-companheira com a intenção de tentar convencê-la a voltar a conviver com ele novamente.

Diante da negativa da vítima, o suspeito aplicou vários golpes de faca contra a ex-companheira que não resistiu aos ferimentos e morreu, sendo o corpo encontrado em cima da cama de um dos quartos da casa. Logo após o crime, o suspeito fugiu de bicicleta com uma mochila nas costas.

Assim que foi acionada dos fatos, a equipe da Polícia Civil iniciou as investigações e buscas para identificar o paradeiro do autor do crime.

Através da oitiva de testemunhas e diligências de testemunhas, os policiais da DHPP com apoio de uma equipe da Derf conseguiram localizar o suspeito na tarde de terça-feira (13), dentro de um cemitério na cidade de Sonora (MS). Ele foi detido e encaminhado à delegacia para as providências cabíveis e responderá pelo crime de homicídio qualificado pelo feminicídio.

O Saiba Tudo Mato Grosso (MT) é um site sem vínculos partidários, sem preconceitos ideológicos e não está a serviço de grupos econômicos. O nosso valor é a qualidade da informação.