Anúncios

O governador de , (DEM), optou por antecipar os feriados para tentar conter o avanço do novo (Covid-19). A decisão foi tomada no final da tarde e início da noite desta segunda-feira (22) em reunião com os deputados estaduais no Salão Garcia Neto.

O projeto já havia sido anunciado por Mauro na última sexta-feira (19), e seria votado nesta segunda-feira (22) na Assembleia Legislativa, mas foi tirado de pauta para ser discutido com os deputados. Agora, o projeto será votado na terça-feira (23), para começar a valer na sexta-feira (26).

“Vai mandar o projeto de leis de antecipação de feriados e vamos analisar. Já falei para o governador, todos os deputados, deputado , Janaina, Sebastião Rezente, o próprio Max, Botelho, vamos fazer uma análise do projeto que vai ser mandado para a Assembleia para ver qual será o encaminhamento. Apesar de que eu entendo que o decreto está valendo mesmo com uma lei antecipando feriado”, explicou o líder do governo na ALMT, Dilmar Dal Bosco (DEM).

“O projeto é antecipar cinco feriados mantendo os mesmos horários do decreto atual, de supermercados, bares, farmácias. O que tem de diferente é só a antecipação de feriados”, explicou o deputado . “Do que está hoje regrando o funcionamento do comércio como um todo não há mudança nenhuma (…) Não tem restrição de circulação de pessoas, somente a partir das 21 horas”.

Somente nas últimas 24 hors, Mato Grosso registrou 125 mortes pelo novo coronavírus (Covid-19), alcançando um triste recorde. Há mais de quinze dias o sistema de saúde estadual está colapsado, e já há centenas de pessoas aguardando por leitos de .