Anúncios

A Prefeitura de Poconé (104 km de Cuiabá), proibiu o consumo de tereré em locais públicos da cidade como medida para evitar o contágio do coronavírus (Covid-19). O tereré, ou tererê, é um mate gelado comum em estados como Mato Grosso e no Paraguai.

Ele é tomado na guampa (chifre do boi) por meio de uma bomba (espécie de canudo de metal).

Segundo a prefeitura, o consumo da bebida e qualquer outra parecida, como o chimarrão, não será permitido nem de forma individual ou compartilhada no município.

A medida foi tomada pelo prefeito de Poconé, Atail Marques do Amaral, o Tatá Amaral (DEM), por meio de decreto publicado no dia 28 de janeiro.

De acordo com a prefeitura, também fica proibido qualquer atividade de lazer ou evento que cause aglomeração, tais como shows, música ao vivo, cinema, teatro, casa noturna, festas e confraternizações familiares, ainda que realizadas em âmbito domiciliar.

Eventos sociais serão permitidos com capacidade máxima de 20 pessoas com espaço de 1,5m entre elas.

“As novas medidas cumprem com a determinação da Promotoria de Justiça de Comarca do Município de Poconé, visando reduzir os recentes avanços dos casos da no âmbito municipal”, disse a prefeitura.

Covid-19 em

tem mais de 32 mil habitantes. Até quarta-feira (3), o município contabilizava 1.138 casos de Covid-19 e 33 mortes pela doença.