Anúncios

Uma inglesa ficou em coma e precisou amputar as duas mãos, após complicações causadas por uma mordida do cachorro de estimação dela.

No dia 16 de janeiro, Michelle Ellis ficou com um pequeno ferimento após o animal a morder enquanto ela tentava colocá-lo em uma gaiola.

Mas o que parecia um tratamento simples logo causou uma série de complicações causada por uma sepse — uma infecção generalizada liberada na corrente sanguínea.

Segundo depoimento da irmã dela, Melanie, dado ao tabloide The Sun, Michelle teve falência múltipla de órgãos e coma induzido por duas semanas. Ela segue internada no Hospital Derriford, em Plymouth ().

No processo, as duas mãos dela foram amputadas e Michelle ainda não sabe disso.

“Seus rins ainda não estão funcionando e a extensão dos danos causados ​​é incerta até o momento. Ela ainda não está ciente da situação das mãos”, afirmou Melanie.

Para piorar, a família de Michelle não pode visitá-la, por causa das restrições causadas pela .

para ajudar

A família lançou uma de e arrecadou R$ 25.700 (3.450 ) até o momento. O objetivo é arrecadar R$ 745.000, dinheiro que será importante para comprar as próteses, pagar o tratamento e a recuperação dela, segundo Melanie.

Segundo o The Sun, a previsão é que o cachorro seja sacrificado.