Anúncios

O índice de contaminação pela Covid-19, em , na região sul do estado, é maior do que o de . Ao todo, desde o início da pandemia, 6,85% da população contraiu o vírus e no estado a taxa registrada é de 5,67%.

A taxa também supera a do Brasil, que é de 3,89% de contaminação.

A transmissão do vírus está em ritmo acelerado. Por isso, o Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19 deve discutir possíveis novas medidas restritivas e tentar evitar ao máximo o contágio. Esse encontro do comitê, contudo, ainda não tem data definida.

De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado nesta quinta-feira (21) pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), os 10 leitos de Unidade de Terapia Intensiva () do destinados a pacientes com sintomas graves da doença estão ocupados, ou seja, a taxa de ocupação é de 100%.

O hospital é referência para outros 19 municípios. Uma pessoa que também está com sintomas graves aguarda em uma enfermaria devido a ocupação total dos leitos. Na Santa Casa de Misericórdia do município existem somente dois leitos desocupados para esses pacientes.

Rondonópolis é o maior município da região sudeste de Mato Grosso, com a população estimada em mais de 230 mil habitantes.

Segundo o último boletim publicado nesta quinta-feira (21) pela (SES), 13.561 mil pessoas se contaminaram pelo vírus e 485 pessoas morreram em decorrência da doença, em Rondonópolis.

Já no estado foram registrados 205.162 casos da Covid-19 e 4.902 óbitos em decorrência da doença.