Anúncios

Mais de 74 mil motoristas de já aderiram ao Sistema de Notificação Eletrônica (SNE) para obter de 20% a 40% de desconto no pagamento das multas de trânsito.

Conforme a Coordenadora de RENAINF e Defesa de Autuação do , Carine da Silva Bezerra, frequentemente o proprietário toma conhecimento das infrações de trânsito quando licencia o seu veículo.

“Com a adesão ao SNE, além do pagamento das multas com os descontos de 20% e 40%, o proprietário do veículo é notificado do cometimento da infração de trânsito com maior rapidez, pois esta chega através do aplicativo, não sendo enviada via Correios. Desta forma, o condutor pode regularizar o veículo de forma imediata, bem como fazer a indicação de condutor enviando ao órgão autuador correspondente”, explicou Carine.

O SNE está disponível dentro do aplicativo Carteira Digital de Trânsito – que contém também a e o CRLV digital. O aplicativo pode ser baixado em aparelho com sistema Android ou IOS.

Com o SNE o pagamento da multa pode ser feito com 20% de desconto para os condutores que desejarem entrar com recurso e com desconto de 40% para os proprietários que abrirem mão do recurso.

Para o pagamento, o usuário deve solicitar o código de barras da infração ou copiar o código para pagamento no aplicativo, instalado no smartphone, da agência bancária a qual é cliente.

Com a adesão do SNE por parte dos motoristas, o -MT ainda economiza recursos públicos com a emissão e postagem das notificações via Correios, bem como os recursos emanados destas.

Em Mato Grosso, já aderiram ao sistema o Detran-MT, a Prefeitura de e a Prefeitura de Sinop. Órgãos Federais como PRF e também estão aderidos ao sistema.

SNE

Para ter acesso ao sistema, o proprietário do veículo deve baixar no celular o aplicativo Carteira Digital de Trânsito, disponível no Google Play ou na Store. Em seguida, o condutor cadastra seu veículo e inclui ou exclui veículos a qualquer tempo, podendo acompanhar de forma detalhada todas as informações.

Os cidadãos que possuem veículos registrados em seu nome, mas que não são habilitados, devem preencher os dados de: CPF, e-mail, senha, número e código de segurança do Renavam. Todas as informações cedidas são validadas na base do Renavam.

Os veículos cadastrados com CNPJ devem utilizar o SNE Web. A solução tem os mesmos benefícios e também garante até 40% de desconto nas infrações.

Pessoas físicas podem acessar as informações pelo aplicativo e pelo site (sne.denatran.serpro.gov.br). Já pessoas jurídicas acessam apenas pelo site, utilizando o certificado digital.