Anúncios

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), por meio da Superintendência de Vigilância em Saúde, realiza no próximo dia 9 de dezembro, das 9h às 17h, o 1º Simpósio Estadual Virtual de Conscientização e Luta contra o HIV/AIDS. A proposta é debater o tema entre os profissionais da saúde com foco no atendimento e tratamento de qualidade aos pacientes. 

Devido à pela -19, o evento será e transmitido por meio do canal no Youtube da de Saúde Pública do (ESP-MT). Além do Simpósio, estarão disponíveis durante a atividade outros materiais e curso sobre o tema.

Para a superintendente de Vigilância em Saúde da SES, Alessandra Moraes, a prevenção ainda é a melhor conduta para evitar a infecção. “Por uma prevenção efetiva, o Governo do Estado, bem como os 141 municípios, por meio do [SUS], trabalham na oferta de testagem e insumos, como preservativo, à toda população, além do disponibilizar tratamento e acompanhamento adequado através dos Serviços de Assistência Especializa [SAE]”, ressalta a gestora, que também reforça a importância da participação dos profissionais da Atenção Primária e Secundária à Saúde ao evento.

Programação

No dia 09.12 (quarta-feira), o simpósio inicia às 9h com abertura oficial do evento. Em seguida, a coordenadora Estadual de Vigilância Epidemiológica da SES, Marcia Aurélia Veloso, irá apresentar o cenário epidemiológico do HIV/Aids em Mato Grosso.

O segundo tema da manhã ficará à cargo do médico especialista em Saúde Pública, o coordenador do Programa Estadual de IST/Aids de Sergipe, José Almir Santana. Ele irá discursar sobre “Prevenção Combinada: novas formas de evitar o HIV e outras ISTs ”. 

A manhã termina às 10h15 com uma palestra para debater o acolhimento da pessoa exposta ao HIV/Aids no SAE de Cuiabá. A mestre em Promoção da Saúde e coordenadora do SAE da Região Norte da capital, a enfermeira Liney Araújo, ministrará o tema. 

Após o horário do almoço, às 14h, o médico especialista de Sergipe, José Almir Santana, volto ao simpósio, desta vez para falar sobre a importância da testagem rápida para HIV, Sífilis e Hepatites Virais na Atenção Básica. O encontro virtual encerra com a palestra do médico infectologista e assessor do Ministério da Saúde, Lino Neves de Silveira, que irá discorrer sobre a testagem rápida na Atenção Primária

Cenário mato-grossense 

Em Mato Grosso, o Programa Estadual de Vigilância, Prevenção e Controle das Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs), HIV/Aids e Hepatites Virais estima que somente em 2019 cerca de 943 indivíduos se infectaram com o HIV e um total de 524 pessoas foram diagnosticadas com Aids. Os dados ainda apontam que neste mesmo período cerca de 484 jovens entre 15 e 29 anos foram diagnósticos com HIV.

O levantamento mostra que de janeiro a outubro de 2020 houve registro de 650 diagnósticos de HIV/Aids no Estado de Mato Grosso. Deste total, 232 casos estão entre os jovens de 20 a 29 anos, sendo a maioria do masculino. Nos 10 primeiros meses do ano foram diagnosticados 126 casos de infecção por HIV entre gestantes. 

Serviço

O  1º Simpósio Estadual Virtual de Conscientização e Luta contra o HIV/AIDS ocorrerá no dia 09.12 (quarta-feira), das 09h às 17h, no canal no Youtube da Escola de Saúde Pública do Estado de Mato Grosso.