Anúncios

A partir da próxima segunda-feira (14.12) começa o atendimento presencial para os aposentados e pensionistas que agendaram o censo previdênciário em , , e Várzea Grande. Para quem for fazer o recadastramento no polo de Cáceres o prazo será até o dia 13 de janeiro de 2021, totalizando um mês para a apresentação dos documentos após o início do censo.

Moradores de Cáceres que ainda não agendaram o procedimento podem reservar a data para atendimento presencial por meio do www.mtprev.mt.gov.br ou pelo telefone 0800.647.3633

Já para Cuiabá e Várzea Grande, cidades que concentram a maior parte dos aposentados e pensionistas de Mato Grosso, o atendimento presencial vai até o dia 11 de junho de 2021.

A assessora do MT Prev, Kaliane Saturnino explica sobre a importância de buscar o agendamento com antecedência. “Recomendamos que os aposentados e pensionistas não deixem para a última hora, e se atentem ao calendário de atendimento da sua cidade. Também ressaltamos que no momento do atendimento presencial é necessário que todos estejam com os documentos atualizados e corretos para evitar problemas”, explica.

Confira a lista de documentos e o calendário completo de todos os polos clicando AQUI.

Local de recenseamento

Moradores de Cuiabá e Várzea Grande devem se dirigir até a sede da Controladoria Geral do Estado (CGE), localizada no Centro Político. Em Cáceres, o local de recadastramento será o Campos Universitário da . No site do MT Prev estão disponíveis todos os endereços dos locais de recadastramento presencial.

Devem obrigatoriamente agendar a apresentação de documentos de modo presencial os aposentados e pensionistas que moram nas cidades de: , Barra do Garças, Cuiabá, Cáceres, , da Serra, Sinop, Várzea Grande e Vila Rica.

Apenas os beneficiários que possuam incapacidade de locomoção ou em razão de moléstia grave, moradores de outras cidades que não integram a lista de municípios polos, podem optar pelo recadastramento on-line.

Sobre o censo

Fazem parte desta edição do censo os inativos e pensionistas que tenham tido o benefício concedido até 30 de junho de 2020, incluindo os abrangidos pelo Convênio CV0032006/MT-MS.

O recenseamento presencial acontece entre 14 de dezembro de 2020 até 11 de junho de 2021, de acordo com o cronograma de cada cidade polo.

A atualização cadastral é obrigatória, de acordo com o decreto estadual 556/2020 e será requisito para a continuidade do pagamento do benefício. Caso o beneficiário não atualize os seus dados cadastrais, poderá ter o pagamento suspenso.