Anúncios

O programa Cuidando do Cuidador da Saúde, desenvolvido pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), já atendeu 954 servidores da pasta. O programa nasceu em maio desse ano frente ao cenário de pela com objetivo de promover acolhimento e assistência psicológica aos profissionais do órgão estadual.

A ação estava prevista para terminar em novembro, mas devido ao número de servidores que ainda recebem assistência do programa, um total de 56, a continuidade do trabalho foi estendida por mais quatro meses, ou seja, para até março de 2021.

Conforme a diretora da Escola de Saúde Pública de Mato Grosso, Silvia Tomaz, o programa visa possibilitar uma estabilidade emocional para o profissional diante do enfrentamento das dificuldades relacionadas ao trabalho de combate a Covid.

“A finalidade é manter a vida pessoal e sócio familiar do servidor saudáveis para ele ter uma melhor condição de trabalho, contribuindo, dessa forma, para prevenção da cronificação do sofrimento psíquico vivenciado durante a pandemia”, explica diretora.

A maioria dos profissionais atendidos pelo programa atuam na sede da SES, em Cuiabá, e os demais são dos hospitais regionais e unidades especializadas da saúde. Sendo a maior procura pelos enfermeiro e técnico de enfermagem, seguidos de outros perfis profissionais como fisioterapeutas e farmacêutico.

O programa

A primeira ação do programa é o Projeto de Apoio Psicossocial ao Trabalhador da Saúde (PAPSE), que propõe o bem-estar psicossocial, a redução do estresse agudo e suporte emocional de maneira que o trabalhador saiba lidar com as emoções e conflitos advindos da pandemia.

Nesse projeto, é disponibilizado atendimento virtual, individual e em grupo, aos profissionais e equipes que trabalham na linha de frente em serviços de referência à Covid, bem como em unidades que atendam usuários em outras áreas de cuidado. O projeto conta em sua equipe com psicólogos, enfermeira, fisioterapeuta, assistente social, médica psiquiatra e médicas residentes de psiquiatria.

Serviço

Para acessar o serviço de apoio psicológico, o trabalhador precisa preencher o formulário de agendamento disponível neste link. O grupo é realizado semanalmente às segundas-feiras, das 10h às 11h30, e cada grupo terá capacidade de 8 integrantes. Ao entrar no grupo, é necessário apresentar-se com o nome e a instituição para sua identificação.

O link de acesso será disponibilizado 30 minutos antes do início da sessão. É utilizada a ferramenta do Google Meet e, por isso, é orientado baixar o aplicativo para o acesso via celular. Por segurança, é importante scanear seus dispositivos com o antivírus de sua preferência e utilização na versão completa, garantindo maior segurança de dados.

A gestão do PAPSE está vinculada a Secretaria Adjunta de Atenção e Vigilância à Saúde, Superintendência de Atenção à Saúde, Coordenadoria de Ações Programáticas e Estratégicas (área técnica de saúde mental), Coordenadoria de Promoção e Humanização da Saúde em parceria com Secretaria Adjunta de Administração e Trabalho e Educação, Escola de Saúde Pública de Mato Grosso, Superintendência de Gestão de Pessoas, Secretaria Adjunta de Gestão Hospitalar e Hospitais Regionais, e Universidade Estadual de Mato Grosso (Unemat). A atividade conta também com o apoio da a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).