Anúncios

No último domingo (20/09), por volta das 17h30, o Centro Integrado de Operações de Pública () recebeu um chamado através do telefone de emergência 193 de um pai desesperado com seu bebê de 16 dias de vida que havia engasgado com o leite materno. A Major BM Poliana, Chefe de Operações, solicitou que o 2º Sgt BM Hübner (militar que está no serviço de monitoramento e geoprocessamento do CIMAN) assumisse o telefone e orientasse o pai do bebê a realizar a MANOBRA DE HEIMLICH. O Sargento primeiramente tentou tranquilizar o pai e em seguida, de forma simples e objetiva, orientou o mesmo a realizar o desengasgo do bebê através da técnica.

O pai foi orientado a colocar o bebê de bruços, deitado em cima do seu antebraço, de modo que ele ficasse reto, com a cabeça um pouco mais baixa que o resto do corpo. Em seguida segurasse a boca do bebê aberta. Depois o Sargento pediu que ele desse tapas não muito fortes no meio das costas do bebê, na região entre os ombros tendo o cuidado para não machucá-lo.

Depois de uns minutos o pai informou a boa notícia de que o bebê tinha voltado a respirar e estava soluçando. O pai informou um familiar que estava segurando a e realizou a técnica conforme foi repassada.