Anúncios

A edição de 2020 do (Encceja) ainda não tem muitos detalhes sobre quando será aplicada. A previsão, segundo anúncio do Ministério da (MEC), é de que a prova ocorra em dezembro. Com data definida ou não, é importante que os futuros candidatos estejam com os estudos em dia. 

Estão entre os perfis aptos a participar da avaliação os brasileiros que residem no Brasil ou exterior, inclusive pessoas privadas de liberdade, que não terminaram as etapas da educação básica no período regular e querem obter a certificação. O certificado do ensino fundamental requer um mínimo de pelo menos 15 anos completos na data da prova. Já para o certificado do ensino médio, a idade mínima exigida é de 18 anos. 

Mas até a divulgação da data, o quê estudar para o  2020? Confira clicando nos links abaixo.

Para o ensino fundamental:

Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física e Redação
Matemática
História e Geografia
Ciências Naturais

Para o ensino médio:

Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Redação
Matemática e suas Tecnologias
Ciências Humanas e suas Tecnologias
Ciências da Natureza e suas Tecnologias


Como funciona a declaração de proficiência do Encceja?

Quem participou do Encceja 2019 ou alguma versão anterior e conseguiu atingir a pontuação para aprovação em uma ou mais provas, mas não em todas, tem direito à declaração de proficiência. Com essa documentação, caso participe do , não será preciso fazer novamente as provas das áreas do conhecimento que já foi aprovado. No ato da inscrição basta escolher apenas as que deseja realizar.