Anúncios

Uma servidora aposentada da Prefeitura de (65 km de Cuiabá), identificada como Benedita Quintino Duarte, morreu com Covid-19 na tarde desta quinta-feira (14). Esta é a terceira morte em Mato Grosso em menos de 24 horas.

Benedita era moradora da comunidade Rio da Casca, zona rural de Chapada dos Guimarães, mas estava internada no Hospital Estadual , na capital.

‘Dona Dita’, como era conhecida na comunidade, de 66 anos, era funcionária aposentada da prefeitura do município.

Ela deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento Frei Osvaldo em Chapada dos Guimarães no sábado (9), com os sintomas do vírus. O exame foi feito e o resultado positivo para Covid-19.

A paciente pertencia ao grupo de risco, por ser diabética e hipertensa.

O marido dela, que é idoso, também está em uma unidade hospitalar com a mesma doença. Eles teriam contraído o coronavírus após receber visitas de familiares que foram a um velório. Ele foi diagnosticado alguns dias antes dela.

Uma das filhas de Benedita postou nas redes sociais um desabafo no dia em que recebeu o diagnóstico de Covid-19 nos pais.

“Achei que meus familiares lá no sítio estavam seguros, porém não estavam. Como pegaram? Não sei, pois nós, filhos, não tivemos contato com os nossos pais. Porém receberam visitas e compras, então, sem julgamentos. Esse vírus é silencioso. Não é uma gripezinha, mas um vírus perigoso que tira nossa paz e faz ter medo de perder quem amamos.”

A postagem foi feita na última quinta-feira (7), uma semana antes da morte de Benedita.

Na manhã desta quinta-feira o Governo divulgou outros dois óbitos decorrente ao vírus, uma das vítimas era morador de Várzea Grande e a outra pessoa residia em .

De acordo com a Secretária de Saúde o Estado registra a 24ª morte, com vítimas nos seguintes municípios:

Lucas do , Cáceres, Aripuanã, Rondonópolis, Cuiabá, Mirassol D’ Oeste, Barra do Garças, , , , Ponte Branca, Várzea Grande, Vale de São Domingos, Barra do Garças e do Rio de Janeiro, que estava em Mato Grosso.