Anúncios

O Estado de Mato Grosso registrou na noite da última quarta-feira (08.04), a segunda morte por Covid-19. O caso foi registrado no município de Cáceres.

A informação já foi repassada à Secretaria de Estado de Saúde (SES) e deve constar no próximo Boletim Epidemiológico, que será publicado no fim da tarde desta quinta-feira (09.04).

A primeira morte causada pelo coronavírus no Estado ocorreu na cidade de Lucas do Rio Verde, no dia 3 de abril.

De acordo com o último boletim da Secretaria de Estado de Saúde, publicado na tarde do dia 8, Mato Grosso tem 90 casos confirmados e desse total 15 estão hospitalizados, sendo 9 em UTI (8 em leito privado e 1 em filantrópico) e 6 em enfermaria (3 em leito privado e 3 em leito público).

Nota Informativa da SES

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) foi informada, na noite desta quarta-feira (08.04), sobre o óbito ocorrido no município de Cáceres, em decorrência do diagnóstico de Covid-19. O órgão deverá oficializar a informação em Boletim Informativo desta quinta-feira (09.04), divulgado a partir das 17h.

A vítima é um Idoso de 82 anos que foi diagnosticado na última segunda-feira (6) com covid-19. Ele não resistiu e morreu em uma unidade de do município. A esposa, de 79 anos, também está com a doença e segue internada no mesmo hospital.

A advogada da família, Juliana Sales Pavini, esclareceu alguns boatos que estão circulando na cidade, de que a vítima teria sido infectada pelo filho, que é médico em São Paulo.

Segundo a advogada os dois desembarcaram no Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, na madrugada do dia 23 após uma viagem até Taboão da Serra (SP) para a realização de um tratamento de e que, depois disso, foram de Uber até a Cáceres.

Ao permanecerem em até o dia 31 de março, quando apresentaram sintomas do coronavírus e avisaram a filha, que internou os pais na unidade de saúde. A filha do casal também está em isolamento e sendo monitorada.

No balanço, Cáceres conta com 27 casos, sendo que dois foram confirmados, 16 descartados e 9 estão em investigação. Essa é a 1ª morte no município.

Veja o comunicado da família na íntegra:

“A Família de A.P, em razão de inúmeras notícias que circulam sobre o falecimento de seu pai, vem a público esclarecer o seguinte:
No madrugada do dia 23/03/2020, os senhores A.P e I.P, desembarcaram no Aeroporto Internacional Marechal Rondon, após estadia em Taboão da Serra/SP, para realização de um tratamento de saúde. Ao chegarem em Cuiabá, vieram imediatamente para Cáceres, de Uber, e desde o momento em que chegaram na cidade, até darem entrada no Hospital São Luiz, mantiveram-se em isolamento social, sem realizar nenhum tipo de contato com qualquer público externo. No dia 31/03/2020, ao terem sintomas típicos da Sars-COVID-2, entraram em contato com sua filha J.P, que reside em Cáceres, e ela os conduziu ao Hospital São Luiz.
Desde então, a filha do casal também se encontra em isolamento social, e está sendo monitorada pela Secretaria de do Município.
Infelizmente, nesta noite, o senhor A.P faleceu, em decorrência da COVID-19, no entanto, a senhora I.P segue bem e estável, internada na clínica médica do Hospital São Luiz.
A família reitera a todos que qualquer informação de que seus pais vieram de ônibus para Cáceres, e que teriam contraído o vírus de seu filho A.P.J, que é médico no estado de São Paulo, é inverídica. O momento é de muita dor para toda a família, e o ato de divulgar essas notícias falsas é uma atitude, além de desrespeitosa, sem qualquer empatia com o momento tão crítico que a família vem passando.
Sem mais para o momento, Juliana Sales Pavini, advogada da família.”

O Saiba Tudo Mato Grosso (MT) é um site sem vínculos partidários, sem preconceitos ideológicos e não está a serviço de grupos econômicos. O nosso valor é a qualidade da informação.