Anúncios

O secretário adjunto de Saúde de Sinop (480 km de Cuiabá), Wirciley Fonseca, está internado em estado grave desde domingo (29). A suspeita é que ele tenha o novo coronavírus. Ele está na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e precisou ser entubado.

Kristian Barros, secretário municipal de Saúde, informou que o adjunto foi internado na tarde de domingo, com muita tosse e desconforto respiratório. “Depois de exames, foi verificado a necessidade de entubar o Wirciley para diminuir o esforço respiratório e reduzir o esforço dos pulmões”.

Wirciley é o primeiro caso suspeito de coronavírus no município que apresenta sintomas mais graves. Ele tem 45 anos e está internado no de Sinop.

Na mesma unidade hospitalar, também na UTI, está internada uma de 73 anos. Ela e o adjunto já tiveram amostras recolhidas e o resultado do exame está previsto para os próximos dias. Outras 22 pessoas são monitoradas pela prefeitura com suspeita de Covid-19.

Barros enfatizou que os casos ainda são considerados suspeitos e que o momento pede cautela. “Estejamos todos em oração e que todos os munícipes permaneçam em casa. Nós, funcionários da saúde, estamos todos trabalhando nessa guerra. Muitos ficarão feridos, mas tenho fé, final venceremos”.