Anúncios

O é celebrado em todo o mundo no dia , mas a maior parte das pessoas desconhece a sua origem.

Na verdade, tudo começou no dia 25 de março de 1911, na metrópole de Nova Iorque, mais especificamente no interior de uma fábrica de camisolas.

Ainda hoje, o terrível incêndio que teve lugar na fábrica Triangle Shirtwaist é considerado uma das piores catástrofes humanas já registadas na história do setor industrial dos da América, em que 146 trabalhadoras têxteis morreram.

A alta taxa de mortalidade deveu-se não aos efeitos das chamas dentro da fábrica, mas também porque os gerentes da fábrica decidiram fechar as entradas e saídas do prédio para evitar o roubo de matérias-primas e roupas.

Esta tragédia lançou, nos anos que se seguiram, uma nova perspetiva sobre a legitimidade das lutas políticas e sociais das trabalhadoras em todo o mundo, que levaram à institucionalização do dia 8 de março como Dia Internacional da Mulher.

No dia 8 de março de 1917, as mulheres lideraram uma grande em São Petersburgo para comemorar o fim da Primeira Guerra Mundial, e em 1921, a Segunda Conferência Internacional de Mulheres Comunistas, realizada em Moscovo, estabeleceu a data agora reconhecida.

Porém, só em 1975 foi feita a decisão oficial das Nações Unidas, de reconhecer o dia 8 de março como um dia de celebração único de à mulher em todos os países do mundo.

A história que levou a este dia dedicado a todas as mulheres do mundo deixa para trás um rasto de sangue e uma enorme tragédia.

Ainda que atualmente o dia 8 de março seja considerado uma festividade, esconde uma história que todos deviam conhecer, pois impulsionou que muitas mulheres se fizessem ouvir e conseguissem melhorar a condição das trabalhadoras em muitos lugares.

Um OBRIGADO sincero a elas, e um feliz a todas.