Anúncios

Em novo comunicado divulgado nesta sexta-feira (14), o advogado Carlos Eduardo Farnesi Regina, que defende a família de Liberato, comentou as recentes notícias sobre a herança do apresentador – avaliada em R$ 1 bilhão.

“É nossa obrigação moral defender a vontade de Gugu, em prol de seus filhos e herdeiros. Isso contra quem quer que seja que questione o testamento, por ele firmado, há tempos, e diante da lei. Não importa como se apresente: mãe, tio, amigo ou qualquer outro que deseje injustamente buscar se beneficiar com o falecimento de Gugu, ou que atente contra sua memória”, enfatizou o advogado da família.

A herança de Gugu Liberato é motivo de disputa entre Rose Miriam, mãe dos filhos do apresentador, e parentes do comunicador. Recentemente, o chef , que se apresenta como namorado de Gugu, também reivindicou parte do espólio.

Thiago diz que teve uma relação de oito anos com Gugu Liberato e, por conta disso, teria direito à herança do apresentador.

O mesmo argumento é apresentado por Rose Miriam, que alega ter vivido como esposa de Gugu ao longo dos últimos 20 anos: ela é mãe dos três herdeiros do comunicador – João Augusto, Marina e Sofia Liberato.

Em vida, Gugu Liberato fez um testamento no qual deixava 75% dos bens para os filhos e 25% para os cinco sobrinhos.