O prefeito de Alto Taquari (479 km de Cuiabá), Fábio Mauri Garbugio (PTB), decretou estado de emergência na últims sexta-feira (17), após um temporal destelhar casas e derrubar árvores.

O Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC), que é ligado ao Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), emitiu alerta no dia 17 de tempestades de raios, chuvas intensas e vendaval para Alto Taquari e mais 51 municípios mato-grossenses.

O decreto foi publicado no Diário Oficial de segunda-feira (20). Conforme o texto, várias famílias tiveram casas danificadas com as chuvas ao longo da semana. Inclusive, pessoas de baixa renda foram as mais afetadas.

Na publicação, o prefeito ainda dispõe que os órgãos públicos se mobilizem para ajudar a população. Os moradores de baixa renda e proprietários de casas destruídas pela chuva, poderão procurar a Secretária Municipal de Assistência Social para solicitar reparos ou auxílio moradia.

“Os munícipes de baixa renda proprietários de casas acometidas com o destelhamento por conta das fortes chuvas do dia 16 de janeiro do ano corrente devem procurar a Secretaria Municipal de Assistência Social para solicitar o devido amparo, a qual se responsabilizará, pela administração de referidos reparos, apresentando relatórios e orçamentos necessários para os devidos consertos, apresentando à Secretaria de Administração e ao departamento de contabilidade”, diz trecho.

O Saiba Tudo Mato Grosso (MT) é um site sem vínculos partidários, sem preconceitos ideológicos e não está a serviço de grupos econômicos. O nosso valor é a qualidade da informação.