Anúncios

O caso parou a cidade de Rondonópolis (215 km de Cuiabá), e já tem repercussão no inteiro.

A mãe do garoto havia saído de casa, e a avó saiu de perto dele por um instante para preparar um arroz doce. Nesse curto espaço de tempo, Samuel saiu de casa e ainda chegou a falar com um vizinho, antes de sumir sem deixar nenhum vestígio. O mistério intriga a cidade desde o último domingo (20).

Veja o vídeo:

O caso

Um boletim de ocorrência foi registrado pela avó na 1ª Delegacia de Polícia, e a família segue procurando o garoto. Na tarde da última segunda-feira (22), alguns boatos de que o menino havia sido encontrado circularam, mas a família logo procurou a imprensa para desmentir a informação.

Segundo o Comandante, todas as forças de segurança estão envolvidas neste caso e trabalhando para a localização da criança. Qualquer informação pode ser repassada diretamente a polícia pelo 190 ou 197.

Na tarde da última terça-feira (23), uma notícia falsa mobilizou familiares e o para uma região de mata na cidade onde uma mulher teria ouvido um choro de criança. Logo depois, ela mesmo disse não ter ouvido.

A família também pedem que os trotes sejam evitados, pois isso acaba angustiando ainda mais a avó da criança, que está desconsolada com a situação.

Após o desaparecimento do menino Samuel, além dos alarmes falsos que vem atrapalhando as investigações e causando frustração a família envolvida, várias outras ‘fake news’ tem surgido em Rondonópolis e causado pânico entre os pais.

O boato que outras tentativas de raptos tenham ocorrido na cidade foi desmentido pelo Comandante do 5º Batalhão de Tenente Coronel Candido nesta quarta-feira (23).

O comandante ainda afirmou que nem a e nem a têm registro de nenhum caso de tentativa ou de sequestro de criança ocorridos.

O Saiba Tudo Mato Grosso (MT) é um site sem vínculos partidários, sem preconceitos ideológicos e não está a serviço de grupos econômicos. O nosso valor é a qualidade da informação.