Anúncios

A família de Daniel Augusto Costa, de 3 anos, que morreu atropelado pela caminhonete de Lidiane Campos, mulher do ex-deputado federal (PRB-MT), em (215 km de ), cobra Justiça pelo caso.

Daniel estava em uma motocicleta com a madrasta Dayane dos Santos, de 35 anos, e o pai dele, Marcos Souza da Costa, de 30 anos. Eles retornavam de uma comemoração do Dia dos Pais.

A avó dele, Marisa Augusta da Silva, está abalada e ainda não se recuperou da perda. Segundo ela, foi a primeira vez que o neto passava o Dia dos Pais com Marcos.

A mãe dele, Flávia Augusta da Silva, trabalha como vigilante e diz que Marcos estava reaproximando do Daniel.

‘Espero que o Daniel não morra em vão, que a morte do meu filho não seja em vão.’

A mulher de Sachetti não teria respeitado a sinalização ao no cruzamento. No boletim de ocorrência a polícia detalhou que ela não ficou no local, depois do acidente, e fugiu.

Para Flávia, nada justifica ela fugir do local.

“Ela bate em um veículo com uma criança e foge. Que tipo de ser humano faz isso?”, comentou.

A Delegacia de Trânsito está investigando Lidiane pelo crime de homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

Mas, segundo o advogado da mãe da criança, o depoimento de novas testemunhas pode mudar a acusação do homicídio.

Ronaldo Bezerra diz que há indícios fortes de que Lidiane estaria sob efeito de álcool e que testemunhas já depuseram dizendo que a viram quando o dela parou de funcionar e disseram que ela estava visivelmente alterada, provavelmente embriagada.

“Porque não foi feito teste do bafômetro ou exame toxicológico?”, afirmou o advogado.

Marisa pede Justiça, diz que a impunidade não pode mais perdurar para que não tenhamos mais ‘Daniéis’.

A Polícia Civil deve concluir o inquérito em 30 dias, mas esse prazo pode ser estendido se houver necessidade de mais investigação.

Ela prestou depoimento na quarta-feira (14) e foi liberada pela polícia. Lidiane, que é influencer , afirmou que não viu a motocicleta e fugiu por medo após o acidente.

Leia mais sobre o assunto:

Rondonópolis: Em depoimento à polícia, influencer nega fuga, alta velocidade e embriaguez; advogado diz que ofereceu ajuda a vítimas

Rondonópolis: Defesa diz que criança não usava capacete e que Lidiane está à disposição para depor

Rondonópolis: Blogueira estava a mais de 100km/h diz pai de menino de 3 anos morto em acidente; Veja o vídeo

Rondonópolis: Pais do garoto que morreu em acidente com esposa de Sachetti estão em choque

Rondonópolis: Criança morre após veículo invadir a preferencial