Anúncios

Uma mulher identificada como Cleide da Silva Lemes, de 44 anos, foi morta na noite da última quinta-feira (25), ao levar cinco tiros quando estava em frente a sua residência na Rua Papagaio, no bairro Recanto dos Pássaros, em (420 km de ). O autor dos disparos segundo uma testemunha que estava com a vítima, foi um assassino possivelmente contratado para matar Cleide.

PortalSorriso

De acordo com as informações locais, a vítima estava conversando com um amigo em frente ao imóvel de Cleide, quando o assassino se aproximou e perguntou se a mulher se chamava Cleide. Desconfiado da pergunta, o amigo da vítima informou que ali não morava nenhuma Cleide.

O assassino segundo a testemunha ocular, acabou reconhecendo a vítima por conta de uma tatuagem e efetuou cinco tiros contra Cleide e fugiu em seguida.

Cleide chegou a ser socorrida, mas morreu no Hospital Regional de Sorriso.

Ainda não há informações de velório e sepultamento. A polícia acredita que a morte tenha sido encomendada.

O suspeito ainda não foi preso e nem identificado. O caso é investigado pela .

Separação conturbada

Em janeiro de 2017, ao se separar do ex-namorado, Cleide teria ido a fazenda dele em e atirado diversas vezes contra a sede da propriedade rural, e ainda ameaçado o ex de morte.

Na época Cleide foi presa pela e em entrevista ao programa Cidade Alerta em Sorriso, a mulher que ameaçou de morte o ex e todos os moradores da fazenda, alegou que a separação do casal teria sido conturbada, e que o homem ainda lhe devia e não queria quitar a dívida.

“Foi uma separação traumática que me causou sérios problemas emocionais”, relatou ao ser detida.