Anúncios

A Ambiental de Rondonópolis (215 km de ) apreendeu mais de mil litros de , álcool, e biodiesel que estavam armazenados em galões e comercializados de forma ilegal em uma residência particular no bairro Jardim Pindorama. A ocorrência foi registrada como crime ambiental, e o proprietário um idoso de 64 anos foi preso em flagrante.

A polícia ambiental chegou até casa dele por meio de denúncia anônima. Ele confessou que vendia o combustível e que conseguia o produto recolhendo restos dos tanques de caminhões que fazem o transporte.

No quintal da residência foram localizados 620 litros de biodiesel, 180 litros de gasolina e 100 litros de diesel. Já no interior da casa, dentro de um quarto, os policiais apreenderam mais 60 litros de gasolina, 40 litros de álcool e 160 litros de diesel. Também houve a apreensão de R$ 1.740,00 reais.

“Isso pode causar dano à , tanto dele quanto aos vizinhos. Também tem a questão da poluição com o vazamento do combustível no solo”, disse o cabo da polícia, Marçal Martins de Assunção.

Também foram apreendidos dois veículos. O idoso foi preso e encaminhado à Polícia Civil.

Ele vai responder por crime ambiental. Os galões foram levados para o batalhão da polícia, que vai investigar a origem dos combustíveis.

O idoso, além da prisão, foi multado em R$ 5 mil.

O que diz a lei

Uma lei federal proíbe estocar, transportar e comercializar combustíveis fora de estabelecimentos licenciados pela Agência Nacional de Petróleo (). A pena varia de um a quatro anos e prisão mais .

O Saiba Tudo Mato Grosso (MT) é um site sem vínculos partidários, sem preconceitos ideológicos e não está a serviço de grupos econômicos. O nosso valor é a qualidade da informação.