Anúncios

A de (104 km de Cuiabá) prendeu na última terça-feira (8), Juniel Ferreira de Aguiar, de 25 anos, qualificado como pastor evangélico e suspeito de assediar uma de 12 anos de idade. Fotos foram encontradas no de Juniel. Ele não conseguiu pagar fiança estipulada em 3 salários.

Reprodução/ assessoria

O suspeito foi denunciado pela mãe de uma menina. A matriarca afirmou que ele estaria mandando mensagens assediando sua filha por meio de aplicativo de mensagens.

Segundo a mãe da menor, a vítima tinha hábito de frequentar cultos celebrados pelo pastor. O homem conduzia orações nas cidades de Poconé e também em .

Assim que tomou conhecimento das mensagens, os investigadores saíram em diligência e localizaram o acusado na residência em que costumava realizar as celebrações religiosas, no bairro Bom Pastor.

Em checagem ao aparelho celular do acusado, foram encontradas diversas fotos íntimas da vítima sem roupa, e também fotos do suspeito nu, que foram enviadas para a vítima.

Diante da situação, a polícia lavrou o flagrante pelo assédio sexual. Na delegacia foi arbitrada a fiança de 3 salários mínimos, que não foi paga. O detido será encaminhado ainda nesta quarta-feira (9) para de custódia.

O caso segue em investigação pela Polícia Civil de Poconé.

O Saiba Tudo Mato Grosso (MT) é um site sem vínculos partidários, sem preconceitos ideológicos e não está a serviço de grupos econômicos. O nosso valor é a qualidade da informação.