Anúncios

O governador de Mato Grosso, Mauro Mendes (DEM), irá a Brasília, nesta quarta-feira (16), para tratar da possibilidade de decretar estado de calamidade financeira em Mato Grosso.

O quadro de gravidade nas contas no Estado justificaria a medida. “Estamos à beira de um colapso, com dívidas da ordem de R$ 2,1 bilhões e salários atrasados”, disse.

O permitiria ao Governo Federal, por exemplo, pagar o FEX (FundoAuxílio Financeiro para Fomento das Exportações), da ordem de R$ 500 milhões, a Mato Grosso, o que não foi feito em dezembro passado.

Além disso, a calamidade financeira dá elasticidade a normas da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), oferecendo ao Estado meios de minimizar a crise.

O Saiba Tudo Mato Grosso (MT) é um site sem vínculos partidários, sem preconceitos ideológicos e não está a serviço de grupos econômicos. O nosso valor é a qualidade da informação.