Anúncios

Uma agente penitenciária, identificada como Lucia Fernandes da Silva, de 47 anos, morreu na manhã deste domingo (27) em Campo Novo do Parecis (404 km de ), após um acidente entre um Uno e uma Montana, que aconteceu no bairro Nossa Senhora Aparecida. Ela chegou a ser arremessada do e imprensada contra o muro de uma casa. O marido dela, que conduzia o carro, teve ferimentos leves.

De acordo com informações da Polícia Civil, o acidente aconteceu por volta das 5h45 da manhã.

O motorista de 19 anos fugiu do local sem prestar socorro e permanece foragido. Foi constatado que ele estava em alta velocidade, devido ao estrago provocado pela batida. O limite permitido para a via era de 40 km por hora, mas os investigadores acreditam que ele estava bem acima disso.

A polícia já identificou o motorista, mas não divulgou o nome dele para não atrapalhar as investigações. Ele abandonou o carro após o acidente.

O corpo de Lúcia foi velado neste domingo por cerca de 2 horas em Campo Novo do Parecis e depois levado para da Serra, onde ser velado e sepultado. O enterro está previsto para esta segunda-feira (28).

Segundo a família, Lúcia trabalhava há sete anos como agente penitenciária na cadeia pública de Campo Novo do Parecis.

A Polícia Civil está investigando o caso.