Anúncios

Um bebê de onze meses morreu afogado em um balde na manhã da última segunda-feira (3), no Bairro Parque Cuiabá, na capital.

A foi acionada por funcionários da Policlínica do Bairro Coxipó, para onde a menina foi levada.

A mãe contou à policia que foi passear na casa dos padrinhos da e deixou a mesma brincando na sala e foi para a cozinha fazer o almoço por volta das 11h. Conforme ela ao perceber que não havia nenhum barulho que demonstrasse que a criança estava brincando, pois ela já engatinhava , chamou a menina diversas vezes e foi ver o que tinha acontecido. De acordo com a mãe, ao entrar no banheiro da casa viu a criança se debatendo, caída em um balde com água, desesperada pediu socorro, tentou reanimar a criança mas já era tarde.

O bebê foi encaminhado até a policlínica, onde foi constatada a morte.

A Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) foi acionada e o procedimento será encaminhado para Delegacia Especializada de Defesa dos Direitos da e do Adolescente (Deddica).

Outro caso

Na semana passada, um bebê de 10 meses se afogou na piscina da casa onde morava com a família, no Bairro Jardim Universitário, em Cuiabá.

Conforme o boletim de ocorrências (BO), os familiares informaram que estavam em casa e a engatinhando pelos cômodos na companhia da avó e da mãe. As duas acabaram se distraindo, momento em que a vítima foi até a parte da cozinha. A criança foi engatinhando até a piscina da residência na família, caiu na água e se afogou. Ele teria ficado cerca de duas horas sem os sinais vitais.

A avó foi quem encontrou a dentro d’água, a retirou e iniciou as tentativas de reanimação. As duas mulheres então ligaram para o tio da vítima, que rapidamente foi para o local e também iniciou as massagens cardíacas, sendo auxiliado por um soldado. No entanto o bebê não resistiu e morreu.

 

O Saiba Tudo Mato Grosso (MT) é um site sem vínculos partidários, sem preconceitos ideológicos e não está a serviço de grupos econômicos. O nosso valor é a qualidade da informação.