Anúncios

A Polícia Civil divulgou nesta terça-feira (4), retrato falado de um homem suspeito de tentar sequestrar uma de 10 anos em uma escola particular no Bairro Jardim Taveirópolis, em Campo Grande. O caso aconteceu no dia 21 de novembro.

Reprodução

Se apresentando como parente para uma atendente do colégio, o suspeito falou o primeiro nome do menino e pediu para chamá-lo. “A tem um nome incomum, e é o único com ele na escola”. O crime só não foi concretizado, porque no dia dos fatos o aluno havia faltado às aulas. No dia seguintes os pais foram chamados e resolveram procurar a polícia.

A atendente da escola e os pais do menino foram ouvidos e um retrato falado do suspeito foi feito. O homem não foi reconhecido por nenhum dos parentes da e até o momento não foi identificado.

Através de imagens de segurança os policiais conseguiram ainda identificar o carro que o suspeito usava, um Renault Duster branco, com a maçanetas pretas, com película escura e rodas de liga leve. Agora a investigação tenta encontrar o suspeito e esclarecer a motivação do crime. “Pode até ser uma coincidência, mas a mãe descarta isso”, alegou Sartori.

Conforme o delegado, os pais da criança não receberam ameaças, não trabalham na área de segurança pública e não possuem passagens pela polícia. “Nós queremos que se alguém conhecer uma pessoa com essas características, que tenha esse veículo, entre em contato com a delegacia”, reforçou o delegado. Denúncias anônimas podem ser feitas pelo telefone: (67) 3357 9500.

O Saiba Tudo Mato Grosso (MT) é um site sem vínculos partidários, sem preconceitos ideológicos e não está a serviço de grupos econômicos. O nosso valor é a qualidade da informação.