Anúncios

A família está à procura do paradeiro de Adenilton Soares Silva, de 43 anos. O homem está desaparecido desde o feriado da , no último dia 15 de novembro. Segundo Luana Kelly, filha de Adenilton, ele foi levado na Unidade de Pronto-Atendimento (UPA 24 Horas), ficou em observação por 6 horas e o próprio se desfez da medicação e foi embora. O paciente toma medicação controlada e apresenta um coágulo na cabeça que lhe causa ataques epilépticos. Ele chegou a ser levado novamente para o local, mas tornou a sair tomando rumo desconhecido.

“O pessoal encontrou ele meio tonteado na rua por causa do problema dele, voltaram de novo com ele na UPA e o pessoal não sabe se ele saiu pelo portão, por onde ele saiu. Da primeira vez eles constataram que ele fugiu, pela segunda vez não. Ninguém viu, ninguém sabe, já procuramos por onde anda, já procuramos com os amigos, já reviramos a UPA. Ninguém viu”

Reprodução

Conforme informações obtidas pela filha, que não mora com o pai, na data do desaparecimento Adenilton estava usando camiseta preta e short verde. Ele é morador da Vila .

“Na terça-feira eu fui lá e ele estava com essa roupa. Se alguém o ver, tem o meu telefone, 99690-5617. Qualquer informação pode ligar para a Polícia também, já entregamos nas mãos deles porque não tem mais o que fazer, já procuramos aonde tínhamos que procurar. Fizemos o boletim de ocorrência e ele já está há 10 dias desaparecido”, completou Luana.

O caso é investigado pela .