Anúncios

Maroan Fernandes Haidad Ahmed, 18 anos, que está foragido da Justiça após ser acusado de assassinar Fábio Batista da Silva, 41 anos, por motivo banal, tinha passagens pela Policia Civil por porte ilegal de arma e também embriaguez alcoólica ao volante.

O acusado, segundo os investigadores, já foi preso com duas pistolas calibre 380 e mais de 60 munições.

Maruan é acusado de executar brutalmente Fábio com tiro nas cortas na madrugada de domingo (18), em uma conveniência do bairro Vila Aurora, em (a 218 km ao Sul de ), após não aceitar o pedido da vítima para desligar o farol alto de sua caminhonete Volkswagen Amarok que incomodava os clientes do local.

O acusado está foragido desde o dia do crime e teve a prisão temporária decretada pelo juiz Wanderlei José dos Reis, da Vara Especializada de Família e Sucessões da cidade.