Anúncios

O corpo do Lucas Bueno, de 28 anos, que estava desaparecido há mais de um mês depois de se afogar no Rio Paraguai, em Cáceres, a 220 km de Cuiabá, foi localizado na noite dessa quarta-feira (31).

Reprodução

Lucas desapareceu depois de se afogar no dia 30 de setembro na Praia do Julião.

A de localizou o corpo boiando às margens do rio a cerca de mil metros de onde ele teria sido visto pela última vez, próximo da Praia do Julião.

Durante oito dias o Corpo de Bombeiros fez buscas pelo rapaz, inclusive com auxílio de mergulhadores.

 

Segundo relato dos oficiais da Polícia Militar Ambiental, durante uma patrulha de rotina pelo rio por volta das 23h, os policiais sentiram um cheiro forte, procuraram pela origem e acabaram descobrindo o corpo boiando próximo a um barranco.

O corpo já estava em estado de decomposição. Os militares acreditaram ser o por conta da localização e porque ele estava usando um calção de banho preto.

A Perícia Técnica foi chamada e o corpo levado ao Instituto Legal (IML) de Cáceres. O IML confirmou a identidade de Lucas e informou a família do jovem.

Lucas estudava Universidade Estadual de Mato Grosso (Unemat).

Algumas pessoas disseram que Lucas, momentos antes de se afogar, teria socorrido duas mulheres que também estavam se afogando no local. A informação foi dada aos bombeiros pela pessoa que pediu socorro para encontrar o jovem.

Um amigo de Lucas tentou socorrê-lo antes de pedir o socorro dos bombeiros.