Anúncios

O juiz Carlos Eduardo de Moraes e Silva, baleado na última segunda-feira (01.10) no fórum de Vila Rica (1.259 km de Cuiabá) já teve alta médica e quer retomar as atividades, afirmou o da Associação Mato-grossense de Magistrados (Amam), José Arimatéa Neves.

O juiz que foi atendido em uma unidade de saúde de Palmas (TO), pela proximidade do município, passou por uma microcirurgia no ombro e pretende voltar nessa quarta-feira (03) a .

“O colega magistrado já está bem e ansioso para voltar ao trabalho, pois terá um júri – com acusado preso – para acontecer nesta quinta-feira. Algo que não pode adiar de forma nenhuma. É um juiz extremamente comprometido e com alto senso de responsabilidade – o que, por sinal, é a tônica da magistratura mato-grossense. Temos magistrados valorosos e que não vão se intimidar com situações como esta”, declarou Arimatéa.

Sobre o ataque ao colega, o presidente afirmou que a entidade cobrará providências em todas as esferas.

“A entidade irá se reunir com a Comissão de Segurança do e, em seguida, marcará um encontro com a do órgão. Isto, para verificarmos o que pode ser feito para melhorar a segurança nos ambientes de trabalho nos Fóruns – principalmente, no interior do Estado. Não é de hoje as reivindicações para a melhoria da segurança durante a atuação jurídica”, ressalta.